Ipatinga, 11 de Agosto de 2022
NOTÍCIAS

Táxis de Ipatinga rodam com bandeira dois em dezembro

Em períodos normais, a bandeira dois só pode ser cobrada entre 22 horas e 6 da manhã, de segunda a sexta, e nos sábados após as 13h. O preço mais alto também vale para os domingos e feriados, durante todo o dia. Com o decreto, a cobrança poderá ser feita


Alverino Resende afirma que população já se acostumou com cobrança diferenciada em dezembro (Crédito: André Almeida)

Foi publicado no último dia 4 decreto que autoriza os taxistas da cidade a cobrarem a tarifa bandeira dois durante todos os dias do mês de dezembro. O documento é uma espécie de bônus que os condutores recebem todo final de ano e é comum em várias cidades brasileiras.

Em períodos normais, a bandeira dois só pode ser cobrada entre 22 horas e 6 da manhã, de segunda a sexta, e nos sábados após as 13h. O preço mais alto também vale para os domingos e feriados, durante todo o dia. Com o decreto, a cobrança poderá ser feita de na bandeira 2 até o dia 31.

Atualmente, o valor da bandeira um é R$ 1,40 e a dois R$ 1,60, o que significa um acréscimo de aproximadamente 20% no valor total da corrida. A bandeirada, valor mínimo a ser cobrado pelos taxistas, é de R$ 4,26 em Ipatinga .

O decreto vem para ajudar os 181 taxistas da cidade, uma vez que a grande maioria não recebe benefícios como o 13º salário. Geraldo da Silva, que há dois anos trabalha na área, diz que o dinheiro é uma grande ajuda e que faz diferença na hora de pagar as despesas de início de ano. Mas ele também reclamou que o decreto demorou muito a ser publicado, o que pode deixar a categoria no prejuízo, já que o documento prevê que a cobrança só poderá ser feita 15 dias após a publicação no Diário Oficial, o que acontecerá no dia 19. Com isso, os taxistas terão apenas 12 dias para cobrar a tarifa diferenciada.

A Prefeitura de Ipatinga, responsável pelo decreto, informou que um representante dos taxistas protocolou processo no dia 22 de novembro pedindo autorização para uso da tarifa de bandeira dois em serviços de táxi. A parir desta data, seguiram-se os trâmites internos para que a Administração providenciasse a publicação do decreto, o que ocorreu em menos de duas semanas depois.

Ainda assim, o motorista Alverino Resende comemora a ajuda, que há 15 anos complementa seu o salário nos finais de ano. Ele afirmou que a população se acostumou com a cobrança maior em dezembro e que a medida já não causa tanto estranhamento entre os clientes. “Só alguns que reclamam, mas aí a gente explica e fica tudo certo”, disse.

Fonte: http://www.diariopopularmg.com.br/vis_noticia.aspx?id=3830




 

Copyright © 2012 Todos os Direitos Reservado - www.euamoipatinga.com.br
Eu Amo Ipatinga - E-mall : contato@euamoipatinga.com.br